Dead Kennedys – Bedtime For Democracy (1986)

  Há 30 anos os Kennedys lançavam seu último disco de estúdio e cuspiam (ou vomitavam, tanto faz) em direção à cara de todos os vermes: governo, militares, igreja, machistas, imprensa, indústria (do entretenimento) e por aí afora. Era o canto do cisne de uma banda que nasceu politizada e assim morreu. Bedtime for democracy…

Os Replicantes – O Futuro É Vortex (1986)

  Os Replicantes foram a primeira banda punk nacional que eu realmente gostei, justamente pelos motivos que levaram um sem número de punks a odiarem os gaúchos: eles não se pareciam com os punks que eu ‘conhecia’, com seus moicanos, coturnos e correntes; e suas letras eram qualquer coisa longe da pregação vazia dos anarquistas…

Mercenárias – Cadê As Armas? (1986)

  Como muitas das bandas mais bacanas da cena brasileira dos anos 80, as Mercenárias tiveram vida curta e o reconhecimento só veio muitos anos depois, principalmente com o crescimento da internet. Cadê as armas?, primeiro disco da banda formada ainda no começo da década perdida por Sandra Coutinho, Rosália e Ana Machado – com…

Os 30 Anos Do Mítico Cassete C86, Da NME

Há um milhão de anos atrás, nas décadas de 1980 e 1990, algumas revistas bacanas de música bacana tinham o saudável hábito de anexar em suas edições fitas cassete, vinis e posteriormente CDs com coletâneas, raridades e, claro, novidades contidas em suas páginas. O semanário inglês New Musical Express encabeçava essas publicações, e entre tantas…