Pelican City – Rhode Islands (2000)

  Todo mundo conhece Danger Mouse. Músico, DJ e produtor fodão; metade do Gnarls Barkley e do Broken Bells, trabalhou com figuras como Beck, Gorillaz, Rapture, Sparklehorse, Black Keys (entre muitos outros) e misturou Beatles e Jay-Z no Grey album. O que nem todo mundo conhece é sua carreira antes disso tudo.Ok, não dá pra…

Portishead – Portishead (1997)

  Eu ia escrever sobre Portishead, o segundo e homônimo disco do trio de Bristol no ano que vem, mais exatamente em setembro quando ele irá completar 20 anos. Mas hoje no fim da tarde sob um imenso céu azul e envolto por um frio congelante resolvi escutá-lo a caminho do trabalho, porque precisava de…

Vídeo: Portishead – SOS (2016)

O Portishead, grupo de Bristol pioneiro do trip hop e maior expressão de seu lado mais melancólico estava há anos sem lançar material inédito, até que em abril último entrou na trilha sonora do filme High-Rise com uma versão de “SOS”, do Abba. Ótimo, não? Acontece que a faixa surgiu e desapareceu rapidamente da internet,…

Tricky – Skilled Mechanics (2016)

2016 parece ser o ano das colaborações para Tricky, afinal no mesmo mês de janeiro o inglês voltou a trabalhar com seus ex-parceiros do Massive Attack após 20 anos e lançou, pela K7 Records, o disco que você ouve por aqui agora, Skilled mechanics. Além das habituais cantoras convidadas – no caso Oh Land, Ivy,…

Massive Attack – Ritual Spirit EP (2016)

Ontem mostramos a vocês “Take it there“, o primeiro vídeo/single do novo EP do Massive Attack, e prometemos que em breve o tal EP estaria por aqui. Pois bem, missão dada é missão cumprida. Ritual spirit marca a volta dos pioneiros do trip hop após um hiato de seis anos, e é apenas um dos…

Ibeyi – Ibeyi (2015)

  O mundo definitivamente pode ser um lugar maravilhoso sem prozac, basta ouvir a música certa, aquela que te dá um estalo. E as gêmeas Lisa-Kainde e Naomi Diaz definitivamente fazem essa música. Nascidas na França, as filhas do grande percussionista Anga Díaz (do Buena Vista Social Club) começaram a estudar a tradição musical da…

Ateph Elidja – HURT EP (2015)

O parisiense Ateph Elidja é um dos membros do selo Bromance, do DJ/Produtor francês Brodinski (nome real: Luis Rogê), uma das principais atrações do caro Sónar Brasil 2015. Brodinski apareceu na cena em 2007, como um produtor “clássico” de techno. Com o passar do tempo, a sonoridade do francês foi se transformando, resultando em uma…

Massive Attack – No Protection (1995)

  Protection, o segundo disco do Massive Attack, foi lançado em 1994 e mesmo tendo colocado dois singles (“Protection” e “Karmacoma”) entre as músicas mais tocadas do ano na Inglaterra, não agradou tanto aos chatos críticos musicais. Talvez por isso no ano seguinte o grupo de Bristol tenha chamado o mítico produtor de dub Mad…

Tricky – Maxinquaye (1995)

Em fevereiro de 1995, 20 anos atrás, o mundo via e ouvia pela primeira vez o homem-lagarto Tricky longe do ninho onde se criou, também chamado Massive Attack. Maxinquaye foi inteiramente gravado na primeira metade de 1994 no estúdio caseiro de Tricky junto ao produtor Mark Saunders, que havia trabalhado há pouco com o Cure.…

Mawn – EP Um (2015)

Eu venho tentando obter maiores informações sobre o projeto Mawn, de Sabine Holler e Björn Eichhorn, mas não consegui ainda um contato com o duo. Sabine é ex-vocalista da finada e ótima banda Jennifer Lo-Fi e, ao que parece, mora em Berlim há algum tempo, ao menos a tempo suficiente para recomeçar sua trajetória no…

Portishead – Dummy (1994)

  O que dizer de Dummy, disco de estreia do Portishead? Que é brilhante? Que é perfeito? Que é seminal? Que é inovador? Que é impossível ouvi-lo e não se apaixonar perdidamente por ele? Que é uma das colunas sobre a qual foi construído o trip-hop? Ora bolas, estamos em 2014, o álbum está prestes…

Chet Faker – Built On Glass (2014)

O australiano Nick Murphy veio ao mundo como Chet Faker há três anos, e agora em abril de 2014 lançou seu primeiro disco cheio (via Downtown Records), Built on glass. Mas antes disso seu nome já circulava fácil entre os apreciadores da música eletrônica de verve tranquila, seja ela trip hop, downtempo ou suas vertentes…

Podcast PCP – Trip-Hop Vol. I

Há tempos a ideia de uma mixtape dedicada ao trip-hop vem batendo às portas da redação do PCP, e hoje ela finalmente se tornou realidade. Escolhemos em nossos arquivos 10 faixas que consideramos como parte do gênero, sejam elas mais trip ou mais hop. Abaixo vai a playlist completa e na sequência os links para…

Phantogram – Voices (2014)

Phantogram é a dupla novaiorquina Sarah Barthel e Josh Carter, revivalistas do trip hop que chegam neste início de 2014 a seu segundo álbum, Voices. Lançado em fevereiro por um dos braços da Universal, a Republic Records, o disco vem sendo festejado por alguns como um dos melhores produtos do trip hop desde seus dias…