Oh Sees – Orc (2017)

 

Alguém em sã consciência pode explicar a este reles escriba que porra se passa com John Dwyer e sua trupe chamada Oh Sees? Aliás, em sã consciência não, porque isso envolveria uma análise fria, prática e careta da obra da banda californiana, e definitivamente não é disso que preciso.

20 anos de estrada, 19 discos de estúdio e NENHUM DELES RUIM. Há uma porção de grupos e/ou artistas exageradamente prolíficos, mas ninguém – que eu saiba – põe nas prateleiras uma sequência tão absurda de álbuns bons, ótimos, sensacionais e fantásticos.

Orc, o mais recente trabalho do Oh Sees saiu em abril último pelo selo de Dwyer, Castle Face Records, e assim como TODOS seus predecessores é uma paulada no crânio. São 50 minutos de garageira pesada, psicodelia demente, progressões nonsense e hard rock sem gosto de farofa. Não vou gastar seu tempo entrando em detalhes das 10 faixas, ouça o bagulho e entenda (ou tente entender) qual é a desses fora-da-curva da bay area.

Altamente recomendado!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s