A Place To Bury Strangers – Transfixiation (2015)

Quando conheci o A Place to Bury Strangers, logo após lançarem seu primeiro disco em 2007, pensei algo como ‘porra, isso aqui é tipo uma versão satânica do Jesus and Mary Chain‘.

Pois bem, o tempo foi passando e a banda de Oliver Ackermann foi se tornando cada vez mais demoníaca, barulhenta e devastadora. E é exatamente assim que chegaram a seu quarto disco agora em 2015, o ensurdecedor Transfixiation.

O disco de 11 faixas saiu em fevereiro via Dead Oceans/Death by Audio, tem apenas 39 minutos, marca a entrada definitiva do baterista Robi Gonzalez e, mesmo para os padrões APTBS de decibéis, é muito alto.

A cada música fica mais claro que não dá pra enquadrar a banda numa categoria; estão cada vez mais sombrios, mas não são pós-punk; estão cada vez mais barulhentos, mas não são shoegaze; e pra ‘piorar’ as coisas se aproximam perigosamente de algo entre o industrial e o noise eletrônico.

Em Transfixiation o A Place to Bury Strangers não alivia a mão em nenhum momento, o disco é uma surra constante nos ouvidos, mas os demônios são soltos de uma vez nas três últimas faixas do álbum. Seus 10 minutos finais são a prova de que ninguém toca mais alto e é mais caótico que os nova-iorquinos no atual cenário do rock lado B.

Definitivamente um dos melhores álbuns de 2015. Altamente recomendado!

PS: Transfixiation não está disponível em streaming. Assim que rolar a gente atualiza o post.

Anúncios

Um comentário sobre “A Place To Bury Strangers – Transfixiation (2015)

  1. Pingback: Especial – Os Melhores Álbuns Internacionais De 2015 | PEQUENOS CLÁSSICOS PERDIDOS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s