Bambara – Stray (2020)

  Banda foda da nova safra pós-punk o Bambara nasceu na boa terra do Brooklyn em 2009, formada pelos gêmeos Reid e Blaze Bateh, e entre EPs, discos de estúdio e ao vivo, vem desde então despejando barulho sombrio sobre as cabeças de quem se aventura pelos submundos musicais. Stray é o último disco dos…

Red Zebra – Bastogne (1981)

  O pós-punk é um poço sem fundo: quanto mais você desce e escava, mais bandas aparecem, e o ciclo se torna interminável e extremamente vicioso. Foi numa dessas descidas que descobri o Red Zebra, banda que começou no final dos anos 70 e até hoje (acho que) anda por aí. Após dois singles –…

OTO – Anyway (1984)

  Farid Dahlab e Pascal Hubert, ou Le Faf e Le Pasc para os íntimos, formaram o OTO em 1982 em Nancy, na França, após serem demitidos da banda que faziam parte, chamada G-String (foram pegos usando instrumentos para criar suas próprias músicas antes dos ensaios, no melhor esquema Robin Hood). O lance é que…

Magazine – Real Life (1978)

  Howard Devoto nasceu predestinado a deixar seu nome marcado na história da música. O cara estava na organização dos primeiros e míticos shows dos Pistols em Manchester, fundou o a maior banda punk de todos os tempos com o saudoso Pete Shelley, saiu da mesma logo após seu primeiro registro e pouco depois começou…

The Sound – Jeopardy (1980)

  Ultimamente (ultimamente?) ando desenterrando vários discos mais obscuros ‘da juventude’ pra escutar e, quase de forma invariável, uma pergunta me martela o cérebro: “por que esse álbum não se tornou um clássico?”. Do jangle pop ao noise, do shoegaze à eletrônica, em todos gêneros e sub-gêneros da música há um sem número de grandes…