The Oscillation – Monographic (2016)

Demian Castellanos, o homem por trás do Oscillation, aparentemente não consegue controlar seus impulsos criativos.

Desde Veils (2011), último álbum da banda que resenhamos por aqui, já vieram tantos outros discos cheios, EPs, singles, colaborações e etc que para tirarmos o atraso teríamos que engolir alguns ácidos e passar dias fritando.

Como essa é uma possibilidade remota a gente põe na roda hoje apenas o último desses produtos psicodélicos, o recém lançado Monographic.

Lançado em vinil via All Time Low e Hands In The Dark, o álbum foi quase totalmente produzido e gravado por Castellanos, que além disso cantou, tocou baixo e teclado.

O resultado dessa hiperatividade solitária é um disco cáustico, construído basicamente nos mesmos moldes dos trabalhos anteriores do Oscillation; tem um pouco menos de kraut em sua fórmula, mas é igualmente barulhento, derretido e sombrio, ou seja, é mais uma pedrada lisérgica de uma das melhores bandas da onda psych que há anos vem chapando o mundo.

Ouça alto e voe alto! Recomendado!

PS: Para acompanhar as loucuras de Castellanos assine o feed/siga/corra atrás do Bandcamp do cara.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s