The Might Lemon Drops – World Without End (1988)

 

Mais um álbum da mágica safra de 1988 a rodar agora em nossa vitrola virtual, World without end é o segundo trabalho da carreira do Might Lemon Drops, lançado em fevereiro daquele ano de tantos e tantos outros discos que vocês têm visto e que continuarão a ouvir por aqui.

De ‘menor em importância musical’ ou ‘menos relevante historicamente’ que alguns contemporâneos – como Surfer rosa, Daydream nation ou Isn’t anything – o mundo sem fim e seus autores, os poderosos drops de limão (rá!) sempre viveram (no universo dos críticos) à sombra do Echo and The Bunnymen, mas caralho, quem se importa com o que pensam os críticos?

Roubei esse vinil de algum amigo ali no começo dos anos 90 e ele ficou comigo durante muito tempo, até ser garfado por algum outro amigo; depois comprei o CD, que até hoje está na prateleira de casa e volta e meia retorna às caixas/fones pra me lembrar quanto amor existe entre eu e suas 11 canções. Se parece Echo ou Stone Roses pré-89 eu quero mais que se foda dane, me interessa muito mais gritar com a trinca “Fall down (like the rain)”/”Crystal clear”/”Hollow inside”.

Essencial! (Ao menos pra mim).

 

2 comentários sobre “The Might Lemon Drops – World Without End (1988)

  1. Achava que só eu gostava/amava esse disco. Minha versao é em fita K-7… vou escutar agora. Depois de mais de dez anos…

Deixe uma resposta para Ronie Rogério dos Santos Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s