Soviet Soviet – Endless (2016)

Se você é fã de pós-punk e ainda não ouviu o Soviet Soviet sinto lhe informar que infelizmente você não saca porra nenhuma.

Porque o trio de Pesaro, na Itália, segue por A + B a cartilha que começou a ser escrita 40 anos atrás e disco após disco destaca-se nela como um dos grandes representantes do gênero na atualidade.

No limiar do ano passado lançaram a coletânea de raridades Fate, e em seu pôr do sol – 02 de dezembro, exatamente – soltaram no mundo um disco de inéditas.

Endless é mais um tiro certeiro dos caras. Cozinha cadenciada com baixo palhetado e bateria direta e reta; e aqui a guitarra ganhou mais reverbs e distorções, adicionando intensidade à já densa fórmula da banda. Junte aí o ar angustiado da voz de Alessandro Constantini e a energia de faixas como “Pantomine” e bingo! Mais um disco do caralho na até então curta trajetória do Soviet Soviet. Que venham outros.

Recomendado!

Anúncios

4 comentários sobre “Soviet Soviet – Endless (2016)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s