Thurston Moore – Psychic Hearts (1995)

Talvez, apenas talvez, você não saiba que Thurston Joseph Michael Moore, ex-vocalista do Sonic Youth e um dos grandes expoentes quando se fala em experimentações com guitarra, tem uma longa carreira paralela a de sua banda embrionária.

Mesmo que essa carreira só tenha se tornado mais conhecida nos últimos tempos, desde os anos 90 Thurston vem gravando e lançando inúmeros discos, sempre acompanhado de amigos da pesada e inevitavelmente indo do barulho mais inaudível aos flertes com o quase pop. E desses flertes nasceu seu primeiro trabalho solo oficial, o clássico Psychic hearts.

 

 

Com os parceiros Steve Shelley na bateria e Tim Foljahn na segunda guitarra, Thurston fez nas 15 faixas do álbum uma grande homenagem às mulheres e ao feminismo – tema recorrente em suas composições no Sonic Youth -, especialmente a Yoko Ono e Patti Smith.

Musicalmente há, claro, momentos explicitamente experimentais (os quase 20 minutos de “Elegy for all the dead rockstars”, que encerra Psychic hearts), mas a grosso modo, como dito no segundo parágrafo, o disco caminha por estradas menos sinuosas, guiado pelo trabalho de guitarra, pela voz nasalada e preguiçosa de Mr. Moore e sim, pode-se dizer que é uma visão de sua face menos tempestuosa.

Essencial!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s