No Joy – Ghost Blonde (2010)

A dupla Jasmine White-Glutz e Laura Lloyd começou o No Joy em 2009 de uma maneira incomum: Jasmine morando em Los Angeles e Laura em Montreal, colaborando à distância, até que a californiana se mudou para o Canadá.

À partir de então a banda começou a fazer shows, e após abrir para o Best Coast e deixar Bethany Consentino babando (ela declarou via Twitter que o No Joy era a melhor banda de todos os tempos), começou o burburinho que levou as moças a assinarem com o selo Mexican Summer e lançar no final de 2010 seu debut, o barulhento Ghost blonde.

O No Joy definitivamente não é melhor banda de todos os tempos e Ghost blonde também não é o melhor álbum de estreia de sempre, mas poucas bandas atuais conseguiram fazer do surrado shoegaze dos anos 80/90 a base para um trabalho tão bacana.

Mixado por Sune Rose Wagner, dos queridos Raveonettes, o disco evoca os melhores espíritos do noise rock de 20 anos atrás (MBV e outros gazers, Sonic Youth, etc) e apresenta em suas 10 faixas um universo de guitarras e vocais fantasmagóricos, tudo distorcido, nublado, alternando melancolia e agressividade na medida certa.

E apesar de trazer em sua aura toda a atmosfera do rock alternativo de décadas passadas, a estreia do No Joy mostra que a banda tem poder de fogo para dar novas cores ao desbotado shoegaze, reciclá-lo e assim torná-lo novamente digno de nota.

Recomendado!

Faixas preferidas: “Heedless”, “Hawaii” e “Indigo child”.

2 comentários sobre “No Joy – Ghost Blonde (2010)

  1. Pingback: No Joy – Negaverse (2012) « Pequenos Clássicos Perdidos

  2. Pingback: No Joy – Negaverse (2012) « Pequenos Clássicos Perdidos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s