Beach Slang – A Loud Bash Of Teenage Feelings (2016)

Sabe quando você escuta um disco e rola aquela identificação imediata, a sensação de que (mesmo sem saber) aquele era exatamente o álbum que você precisava? Foi exatamente o que me aconteceu quando ouvi A loud bash of teenage feelings, segundo álbum cheio do quarteto Beach Slang, lançado em 26 de setembro via Polyvinyl Records.…

Dead Kennedys – Bedtime For Democracy (1986)

  Há 30 anos os Kennedys lançavam seu último disco de estúdio e cuspiam (ou vomitavam, tanto faz) em direção à cara de todos os vermes: governo, militares, igreja, machistas, imprensa, indústria (do entretenimento) e por aí afora. Era o canto do cisne de uma banda que nasceu politizada e assim morreu. Bedtime for democracy…

Buzzcocks – Singles Going Steady (1979)

  Quando postei aqui no PCP o último show dos Buzzcocks, gravado em 1981, disse que eles são minha banda preferida quando o assunto é punk 77. Meia verdade, porque eles são minha banda preferida quando o assunto é punk, independente da safra. Hoje ouvi seu primeiro disco, o sensacional Another music in a different…

Bob Mould – Patch The Sky (2016)

Sempre que vou escrever algo sobre Bob Mould a primeira coisa que me vem à cabeça é sua histórica apresentação no SESC Pompeia, em 2013, e a inacreditável energia que aquele homem irradiou do palco para o público. Essa mesma energia parece envolver Mr. Mould em cada um de seus trabalhos; Beauty & ruin é…

Os Replicantes – O Futuro É Vortex (1986)

  Os Replicantes foram a primeira banda punk nacional que eu realmente gostei, justamente pelos motivos que levaram um sem número de punks a odiarem os gaúchos: eles não se pareciam com os punks que eu ‘conhecia’, com seus moicanos, coturnos e correntes; e suas letras eram qualquer coisa longe da pregação vazia dos anarquistas…

Gang Of Four – Damaged Goods EP (1978)

  Talvez, apenas talvez nem todos saibam que antes de debutar com Entertainment! em 1979, pela gigante EMI, o então jovem quarteto Gang of Four lançou um EP pelo pequeno selo escocês Fast Product, ainda em 1978, um ano após formarem a banda. O disquinho vinha com três faixas: “Damaged goods”, “Love like anthrax” e…

Odonis Odonis – Post Plague (2016)

Nada como começar o domingo sendo massacrado por um disco! Post plague é o novo e recém lançado trabalho do canadense Dean (ou Constantin) Tzenos, aka Odonis Odonis, e por deus – ou diabo, a seu critério – é uma paulada no crânio. Completamente infectado pelo sangue negro do industrial/EBM, o disco retrata a visão…

Mercenárias – Cadê As Armas? (1986)

  Como muitas das bandas mais bacanas da cena brasileira dos anos 80, as Mercenárias tiveram vida curta e o reconhecimento só veio muitos anos depois, principalmente com o crescimento da internet. Cadê as armas?, primeiro disco da banda formada ainda no começo da década perdida por Sandra Coutinho, Rosália e Ana Machado – com…

Ramones – Ramones (1976)

Não há quem goste de música e não saiba ao menos um pouco sobre a gigantesca importância dos Ramones, e não estou falando de roqueiros, punks e afins. Se a pessoa realmente ama a música, independente de gêneros, estilos e etc, ela vai saber algo sobre os 4 caras que lá em 74 se juntaram…

Ty Segall – Emotional Mugger (2016)

Faz tempo que estou pra escrever sobre algum disco do californiano Ty Segall, e olha que nos últimos sei lá quantos anos o sujeito lançou tantos álbuns que eu poderia, basicamente, escrever só sobre ele. Desde que saiu do Epsilons, ali pela metade da primeira década dos anos 00, Segall despejou sobre nossas cabeças uma…

Dead Kennedys – Demos 1978 (1978)

Em 78, enquanto uma porção enorme de bandas se espelhava nos Ramones, nos Pistols e cia., na Califórnia quatro moleques – Jello Biafra, East Bay Ray, Klaus Flouride e Ted – aceleravam o ritmo cadenciado do punk rock e encabeçavam o nascimento daquilo que pouco tempo depois varreu os EUA (e posteriormente o mundo), o…