Ruts – The Crack (1979)

O Ruts, em vários sentidos, é uma das bandas mais foda e menos ouvidas da primeira geração do punk inglês. Surgiu em algum ponto no início de 1978 em Londres, e já no mesmo ano lançaram o primeiro single, tocaram no programa do mestre John Peel e se uniram ao Rock Against Racism, assumindo uma…

The Pop Group – Y (1979)

O excêntrico Mark Stewart formou o Pop Group em Bristol, em meio a onda punk que varria a Inglaterra e o mundo em 1978, mas embora ‘inserido’ na cena não se identificava com a história dos quatro acordes. Seu buraco era mais embaixo, definitivamente. Em comum com alguns de seus contemporâneos, a veia política saltada,…

Mudhoney – Digital Garbage (2018)

  Assim como acontece com o Superchunk, o tempo parece pouco ou nada interferir na música do Mudhoney. Nada de surfar ondas passageiras, de colar em modismos, nada disso. Mark Arm e cia. seguem inabaláveis em seu universo garageiro, e se acrescentaram algo à velha fórmula para a concepção de Digital garbage, seu último disco…

IDLES – Joy As An Act Of Resistance (2018)

  Começando hoje a série ‘discos fodões que não entraram em nossa lista de melhores de 2018’ colocamos na roda o segundo álbum do quinteto inglês IDLES, o sensacional Joy as an act of resistance. Lançado em agosto último, este trabalho pouco ou nada difere do também explosivo BRUTALISM, debute deles que saiu um ano…

MC5 – Looking At You (1968)

  Em 1969 o MC5 deu ao mundo o que o mundo precisava: “Kick out the jams”, um dos genes podres que deu origem ao punk, uma das coisas mais selvagens, fodidas e poderosas já feitas pela raça humana. Isso é fato. Mas fato também é que desde 1964 os caras já perambulavam juntos por…

Butthole Surfers – Butthole Surfers (1983)

  Na primeira metade da década de oitenta, enquanto 3/4 do universo se deliciava entre as cores da new wave radiofônica, do pop idem e dos sintetizadores amigáveis filhos bastardos do pós-punk, o outro 1/4 fazia ferver o submundo da música mundo afora. Na terra do tio sam por exemplo: o futuro furacão Madonna dava…

Shonen Knife – Osaka Ramones (2011)

  Impossível contar nos dedos a quantidade de tributos aos Ramones. Há versões metal, hardcore, indie, kids/babies, a lista é enorme e uma fuçada pela rede pode trazer uma enxurrada de resultados, alguns ótimos e outros simplesmente inaudíveis. Hoje queria uma dessas inúmeras homenagens aos pais da porra toda pra compartilhar aqui, e na hora…

The Clash – This Is Dub Clash (2000)

  No ano 2000 a Pirate Radio Numero Uno compilou num CD-R alguns dos momentos mais jamaicanos do Clash e chamou a coleta de This is dub clash. São ao todo 16 faixas, entre lados B de singles e outras presentes nos discos Sandinista! e Super black market clash, todas recheadas com linhas de baixo…

L.A. Witch – L.A. Witch (2017)

  Trio formado no começo da década em Los Angeles, o L.A. Witch é das melhores coisas que ouvi nos últimos tempos. Ponto. Sujo, distorcido no reverb, cru e selvagem – no melhor estilo garage/punk -, feito pra ser ouvido alto em qualquer lugar cheirando a cerveja e cigarro, o primeiro e homônimo disco de…

Buzzcocks – Another Music In A Different Kitchen (1978)

  Há 40 anos atrás a maior banda do punk 77 debutava oficialmente e definia os caminhos que muitos anos mais tarde levariam os 4 acordes e o faça você mesmo às massas através de incontáveis – e por muitas vezes irreconhecíveis – crias. Em março de 78 o Buzzcocks, já sem a presença de…