Echo Lake – Wild Peace (2012)

Escolas de arte são mesmo um grande celeiro musical. Roxy Music, Talking Heads, Belle and Sebastian e muitos outros nomes bacanas surgiram entre pinturas, interpretações e acordes.

O multi instrumentista Thom Hill e a cantora Linda Jarvis são um recente exemplo de como em ‘art schools’ o convívio pode ser musicalmente frutífero.

Juntos sob o belo nome Echo Lake, os dois vêm desde 2010 trabalhando como artesãos do mundo dos sonhos, retorcendo guitarras, remodelando vocais, e após um Ep em 2011 (Young silence) chegam a seu debute neste ano. Com vocês, Wild peace.

Lançado pela No Pain In Pop no velho continente e pela Slumberland Records nos EUA, Wild peace é um delicado convite a uma viagem por céus arrebatadores, de nuvens distorcidas pela luz de um sol tímido e distante.

Todo calcado entre o shoegaze o dream pop clássicos – MBV, Cocteau Twins, Galaxie 500, entre outros – o disco põe a ex-dupla (hoje quinteto) ao lado de outras crias mais recentes dos pedais, como Pia Fraus e A Sunny Day in Glasgow.

Cada uma das 11 faixas do álbum vem carregada de efeitos hipnóticos, colocando o ouvinte num constante estado de torpor. A barulheira seca dá lugar à névoa do transe, e em meio a essa tempestade calma e intermitente é possível enxergar um mundo utópico onde isso seria o pop. Não apenas o pop dos sonhos, mas o real.

Já um dos preferidos da casa. Recomendado!

Um comentário sobre “Echo Lake – Wild Peace (2012)

  1. Pingback: Echo Lake – Era (2015) | PEQUENOS CLÁSSICOS PERDIDOS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s