Cidadão Instigado – Fortaleza (2015)

Você, fã de música que é, já deve ter lido por aí sobre Fortaleza, quarto e recém-lançado álbum do Cidadão Instigado. Mas como hoje tudo é muito rápido, talvez você nem saiba que a banda capitaneada por Fernando Catatau está com um trabalho novo na praça, então resumo a ideia.

O disco começou a ser desenhado há três anos numa casa em Icaraí de Amontoada, praia cearense próxima à famosa Jericoacoara, onde a banda se ‘internou’ durante alguns dias para fazer os arranjos para as composições de Catatau. Depois de um ano vieram para São Paulo gravar as bases até o início de 2015 e o resultado final, as 12 canções que compõem Fortaleza, que você ouve abaixo:

Caso você também não tenha lido por aí, nos grande veículos de propagação cultural, o disco está disponível para download gratuito no site do Cidadão Instigado e (muito embora para perceber isso não seja preciso ler nada, apenas ouvir o álbum) ele é uma homenagem às avessas à cidade que lhe empresta o nome, terra natal de 4/5 da banda (Catatau, Dustan Gallas, Régis Damasceno e Rian Batista são cearenses, apenas Clayton Martin é paulistano), e nele os cidadãos bebem diretamente da fonte do rock setentista.

E embora reinvenção entre um álbum e outro não seja novidade para o quinteto, desta vez eles trocaram de postos (Régis assumiu a guitarra, Rian passou para o violão e teclados e Dustan empunha agora a segunda guitarra) e, com as influências de Sabbath, Zep e muito Pink Floyd (inclusive estudando o mapa de palco dos ingleses) fizeram algo próximo a um disco de hard rock (saquem a capa), sem os exageros que caracterizaram o gênero no boom do fim dos 80’s, mas sim aquele mais cru, pesado e honesto dos 70’s. Tudo com o ar psicodélico do Cidadão Instigado, claro.

Enfim, Fortaleza me pegou de surpresa – sinceramente não sabia que a banda estava produzindo algo novo, a julgar pelas muitas ocupações de seus membros – e me surpreendeu mais ainda (positivamente) quando há alguns dias apertei play e o ouvi pela primeira vez. Os cidadãos se recriaram e, porra, desculpem a piada sem graça, me instigaram um bocado com este disco.

Altamente recomendado!

Anúncios

Um comentário sobre “Cidadão Instigado – Fortaleza (2015)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s