Tricky – Maxinquaye (1995)

 

Em fevereiro de 1995, 20 anos atrás, o mundo via e ouvia pela primeira vez o homem-lagarto Tricky longe do ninho onde se criou, também chamado Massive Attack.

Maxinquaye foi inteiramente gravado na primeira metade de 1994 no estúdio caseiro de Tricky junto ao produtor Mark Saunders, que havia trabalhado há pouco com o Cure. Mas chamar Saunders de produtor – ou co-produtor – é menosprezar seu trabalho: o pobre sujeito foi rapidamente abduzido por Tricky e, sabe-se lá se de boa ou má vontade, se viu dentro de suas viagens. Saiu da mesa de som, se tornou DJ, programador e guitarrista no disco, instruído frequentemente pelo seu autor a construir, desconstruir, reconstruir, distorcer, colar, alterar batidas e samples e linhas instrumentais.

A lista de sampleados inclui entre outros Isaac Hayes (também usado pelo Portishead em “Glory box”), Michael Jackson, Marvin Gaye, Smashing Pumpkins (!) e Public Enemy, que além do recorte foi homenageado com uma versão de “Black steel in the hour of chaos”, que se tornou apenas “Black steel” e ganhou de presente a voz entorpecente de Martina Topley-Bird, então namorada de Tricky e, como fica claro ao ouvir Maxinquaye, peça-chave no álbum. Aumente o volume e comprove:

 

 

A receita deste space cake é a mesma que Tricky cozinhava nos tempos de Massive Attack e que se repetiria ao menos em seus dois discos seguintes: dub, hip hop, rock, soul e eletrônica de batidas lentas, criando canções claustrofóbicas, sombrias, densas e por vezes, graças aos vocais de Martina, extremamente sexy.

Outro detalhe nesta receita que liga Maxinquaye ao Massive Attack são as letras de “Overcome” e “Hell is round the corner”, exatamente as mesmas de “Karmacoma” e “Eurochild”, do disco Protection, lançado pelo grupo de Bristol em 1994 e último com a participação do homem-lagarto. Tricky alçou voo, mas levou uns galhos do ninho no bico…

Enfim, Maxinquaye é também um dos grandes responsáveis pela popularização do trip-hop dos anos 90 em diante, mesmo não sendo nada adocicado ou suave – como aliás também não era o MA ou o Portishead. E se o inferno é ali na esquina, Tricky conseguiu arrastar uma porção de gente pra lá.

Essencial!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s