Blackbird Blackbird – Tangerine Sky (2014)

A tal cena chillwave, surgida há alguns verões nos EUA, volta e meia (ainda) rende bons discos para acompanhar momentos preguiçosos, de chapação letárgica e despreocupada.

O mais recente desses álbuns é o último do californiano Mikey Maramag e seu projeto Blackbird Blackbird, Tangerine sky, lançado via Om Records em 03 de junho e bola da vez no PCP.

Independente de rótulos, a pegada aqui é eletrônica tranquila, com elementos de synth pop, r&b, pop e (indie) rock, beats de house e electro bem tranquilos, sem euforia, num clima ensolarado que mistura dança e contemplação.

Se o seu inverno será preguiçoso como o verão do Blackbird Blackbird, mergulhe sem medo em Tangerine sky. E boa viagem!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s