Plastikman – Ex (2014)

Desde 2003 Richie Hawtin não lançava material inédito sob o pseudônimo que, a grosso modo, o tornou referência quando o assunto é techno minimalista. Onze anos após Closer, Plastikman está de volta com um disco gravado em 2013 no Museu Guggenheim de Nova Iorque. Com vocês, Ex.

Resumidamente a história do álbum é a seguinte: Hawtin foi convidado pelo diretor artístico da Dior, Raf Simons, para uma performance especial no museu; se trancou então no estúdio e compôs as sete faixas apresentadas em Ex.

O resultado passa longe de ser surpreendente, mas com certeza irá agradar aos fãs de Plastikman: minimal techno moldado no uso das baixas frequências, com beats desacelerados e uma clara herança da acid house.

Ex saiu oficialmente pela Mute Records em formato digital e no mês que vem ganha também por lá uma edição física.

Ouça com bons fones de ouvido!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s