Conheça o Resistohr, novo projeto dos DJs Ana e David (PETDuo)

 

artworks-000164225401-hyfnbp-t500x500

Ana (Luiza Gelfei) e David (Merlino) são velhos conhecidos aqui no PCP, desde algum momento ali pelo final dos anos 90 quando os vi pela primeira vez atrás dos decks destroçando tímpanos, cérebros, corpos e o que mais houvesse na direção das caixas de som.

Juntos desde 97 sob o nome PETDuo, eles são conhecidos por não terem a menor dó de quem vai vê-los tocar, seja em clubes ou raves, descendo a mão em sets de hard techno devastadores que batem fácil na casa das 155 BPMs.

Acontece que de uns anos pra cá a dupla voltou a acompanhar e tocar coisas mais…leves, digamos assim, retornando às raízes do início de sua carreira, menos aceleradas mas igualmente pesadas e sombrias. Em outras palavras, voltando pura e simplesmente ao techno.

O resultado desse resgate é o Resistohr, novo projeto de Ana e David que ganhou forma recentemente, em julho, quando disponibilizaram em sua página no Soundcloud o primeiro set oficial da nova empreitada, gravado em sua atual cidade, Berlim. Confira:

Antes de mais nada é bom avisar aos fãs que o nascimento do Resistohr não significa de maneira alguma a morte do PETDuo; além das gigs mundo afora o seu selo, Cause Records – por onde já lançaram artistas de hard techno de quase todo o planeta (do Japão à Venezuela, passando pela Europa e, claro, Brasil) – segue firme e forte chegando já ao 34° lançamento. Assim vão dando continuidade à destruição sonora que já põem em prática há quase 20 anos.

A ideia para o projeto veio do vício da dupla em música: como (quase) dito alguns parágrafos acima há alguns anos eles passaram a acompanhar de perto a nova safra de produtores de techno – que fogem do esquema minimal/tech house -, comprando seus discos e os tocando em casa, apenas como diversão. Então vieram os convites para que fizessem sets de techno em festas, e para dissociar essa apresentações do nome PETDuo eles resolveram adotar um novo nome e um novo visual. Surgia assim o Resistohr, que além de representar a palavra resistência traz em seu final as letras ‘ohr’, ou em alemão, ouvido.

Pra terminar com um trocadilho sem graça, manteremos os ouvidos atentos por aqui. E que o Resistohr venha logo tocar no Brasil.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s