Beastie Boys – Check Your Head (1992)

bb check-600x600

 

Três anos após deixar o mundo de boca aberta com espetacular – e hoje impensável, graças às leis de direitos autorais – Paul’s boutique, os Beastie Boys voltaram à carga (e a seus instrumentos) em 1992 com Check your head.

 

Gravado durante 1991 e lançado em abril do ano seguinte via Grand Royal – selo dos próprios Beasties – o álbum marcou a entrada para o grupo do tecladista Money Mark, além de contar pela primeira vez com a participação do produtor Mario Caldato Jr., vulgo Mario C, que havia sido engenheiro de som em Paul’s boutique.

Em contraste ao sampladelismo de seu predecessor, Check your head é um disco orgânico, com os meninos bestas retornando à suas raízes, tocando guitarra, baixo e bateria. Musicalmente é um álbum rico em grooves pesados, cheio até a borda com as mais diferentes referências (do rock ao jazz, do punk a psicodelia, do funk ao easy listening).

E mesmo não sendo construído sobre samples, não os deixa de fora.

 

Bob Dylan, Jimi Hendrix, Mantronix, Ohio Players, Ted Nugent, Funkadelic e Bad Brains são apenas alguns dos ‘homenageados’ no álbum. Check your head é também o primeiro dos trabalhos onde os Beastie Boys apresentaram ao mundo sua ligação com o budismo (a faixa que fecha o disco chama-se “Namaste”), ligação essa que em 1996 culminaria no festival Tibetan Freedom.

A despeito dessa seriedade, os Beasties não perderam aqui seu característico senso de humor. O vídeo de “Gratitude”, por exemplo, é nitidamente um sarro sobre o Pink Floyd e seu mítico show para ninguém em Pompeia, cidade devastada pelo vulcão Vesúvio no ano de 79.

 

Considero Check your head o melhor dos álbuns dos Beastie Boys por uma série de razões, a maioria delas pessoal. A energia injetada em cada uma de suas 20 faixas é combustível físico, mental e espiritual, com um alto poder de alterar os níveis de consciência.

Some aí a pegada urbana do disco, feito por caras que sacam como poucos a vida nas ruas de uma metrópole – que pode ser NY, Tóquio ou SP, tanto faz – e que sabem como ninguém condensar a cultura pop presente nessas ruas, mostrando pontos de vista diferentes sobre o caos que elas trazem em si, caos pulsante de vida e luz, não só de morte e escuridão.

Enfim, não falarei mais sobre Check your head. Ouça-o e comprove seus benefícios.

Essencial!

 

 

PS: Abaixo, um vídeo da MTV com os Beasties promovendo Check your head.

 

Anúncios

3 comentários sobre “Beastie Boys – Check Your Head (1992)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s