Beat Happening – Black Candy (1989)

  Em algum momento de 1989 o Beat Happening cometia seu terceiro disco, gravado e finalizado no mesmo ano novamente com uma mão de Steve Fisk na produção. Black candy é a voz nicotinada de Calvin Johnson dividindo (pouco) o espaço com a doçura de Hather Lewis, fazendo sua própria trilha sonora para filmes B.…

L’Épée – Diabolique (2019)

  Se numa situação hipotética juntássemos numa mesma banda o genial e instável Anton Newcombe, o casal francês Limiñana (Marie e Lionel) e a deslumbrante atriz Emmanuelle Seigner, o que aconteceria? Em primeiro lugar, esqueça a hipótese e REALIZE O FATO. Os quatro outsiders (seja na música, no cinema e no modo de viver e…

Irmão Victor – Cronópio (2018)

  Faz um tempo que descobri, aleatoriamente, o trabalho insólito do Irmão Victor, pseudônimo do gaúcho Marco Benvegnú. Estava escutando alguma coisa no Bandcamp, não me lembro exatamente o que, e apareceu como sugestão um disco chamado Passos simples para transformar gelatina em um monstro e, porra, não dava pra passar uma parada com esse…

Pin Ups – Long Time No See (2019)

  Cara, o Pin Ups lançou um disco. O PIN UPS LANÇOU UM DISCO EM 2019. Se alguém me perguntasse sobre a possibilidade disso acontecer antes de 2015 eu provavelmente daria risada, afinal o último lançamento oficial deles foi em 1999. Mas após a reunião para o show de despedida (no citado 2015) uma luzinha…

Juliana Hatfield – Weird (2019)

  Todas as cantoras ou bandas indie femininas surgidas nos últimos anos deveriam prestar tributo à hoje jovem senhora Juliana Hatfield. Na cena desde os anos 80 – primeiro com o Blake Babies, depois como Juliana Hatfield Three e finalmente só Juliana Hatfield – ela teve um breve momento de ‘quase sucesso’ na primeira metade…

Ride – This Is Not A Safe Place (2019)

  Em 2017 o Ride voltou ao mercado da música com Weather diaries, disco precioso que, por puro preconceito, levei um baita tempo para (me dar ao prazer de) escutar. Quando começaram a surgir fragmentos de seu sucessor, me atentei e assim que ele veio ao mundo corri para ouví-lo. This is not a safe…

Jupiter Apple – Plastic Soda (1999)

  Me lembro vagamente das primeiras audições de Plastic soda, segundo disco do saudoso Flávio Basso, antes Júpiter Maçã e aqui Jupiter Apple, muito provavelmente por estar tão chapado à época quanto ele. Mas por outro lado tenho grandes recordações de um dos shows que vi dele, num bar em SP chamado Borracharia. Era começo…

Bauhaus – Bela Lugosi’s Dead (1979)

  Há 40 anos (e 1 dia) Bela Lugosi saia das tumbas encarnado na figura teatral de Peter Murphy e o Bauhaus lançava, além de seu primeiro single, a canção que marcaria para sempre aquele 6 de agosto como o nascimento do rock gótico. “Bela Lugosi’s dead” foi gravada ‘ao vivo’ num único dia, durante…

Kælan Mikla – Kælan Mikla (2016)

  Sólveig Matthildur, Margrét Rósa e Laufey Soffía são três meninas (mesmo!) de Reykjavík ligadas em música sombria – da época de seus pais – e literatura que se juntaram como banda sob o nome Kælan Mikla em 2013, quando venceram um slam de poesia numa livraria da cidade islandesa. Em 2016, após um disco…

Catherine Wheel – Ferment (1992)

  Hoje de manhã um amigo me marcou numa publicação na rede social azul com o vídeo de “Black metallic”, do Catherine Wheel, e mais tarde outro amigo publicou na mesma rede social uma foto de Ferment, primeiro disco deles que completa 27 anos neste domingo brilhante e frio. Foram dois estalos nas memórias afetivas…